sexta-feira, 20 de outubro de 2017

O Novo Aluno

«O Novo Aluno»: um dos clássicos de William Shakespeare
reescrito por Tracy Chevalier
A tragédia de «Otelo» é transportada para os subúrbios de
Washington nos anos 70.

«O Novo Aluno» é o quarto título de uma série que tem sido publicada como forma de celebrar a obra ímpar de William Shakespeare.
Tracy Chevalier reescreve «Otelo» e, à semelhança dos autores que recriaram os anteriores títulos da série, utiliza os ingredientes originais da obra como ponto de partida, adaptando-o aos nossos tempos. A autora bestseller transporta a tragédia de Otelo para uma escola dos subúrbios de Washington nos anos 70, explorando de forma brilhante as relações impulsivas e
ingénuas dos seus alunos, que revolucionam as salas de aula e as vidas dos envolvidos.
Com uma narrativa intensa e cativante, Chevalier perpetua a mensagem de Shakespeare, construindo personagens que denunciam a malícia do racismo, do medo, da inveja e da traição.

Bertrand Editora - 16,60€

Chegado à sua quarta escola em seis anos, Osei Kokote, filho de um diplomata, sabe que precisa de um aliado se quiser sobreviver ao primeiro dia de aulas. É uma sorte dar-se tão bem com Dee, a rapariga mais popular da escola. Mas há um colega que não suporta aquela relação: Ian decide destruir a amizade entre o rapaz negro e a menina de ouro. Chegados ao fim do dia, a escola e os seus principais actores (professores e alunos) nunca mais serão os mesmos. A tragédia de Otelo é transportada para o recreio de uma escola suburbana de Washington nos anos 70, onde os miúdos se apaixonam e desapaixonam antes da hora de almoço e praticam um racismo casual que vem de casa e dos professores. Tracy Chevalier cria um fortíssimo drama de amizades despedaçadas pelo ciúme, pelo bullying e pela traição.

É autora de nove romances, incluindo o bestseller internacional «Rapariga Com Brinco de Pérola»que vendeu mais de 5 milhões de exemplares e foi adaptado ao cinema com Scarlett Johansson e Colin Firth nos papéis principais. Americana de nascimento, britânica na geografia, vive em Londres com o marido e o filho. Tracy é também membro da Royal Society of Literature.

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

O Livro de Emma Reyes - Memória por Correspondência

Um impressionante relato pessoal em vinte e três cartas, que nos faz pensar em Dickens transposto para o século XX.

«O Livro de Emma Reyes – Memória por Correspondência» relata as memórias 
da duríssima infância – de abandono e exploração – da pintora colombiana 
Emma Reyes. É também uma história de superação de inimagináveis 
circunstâncias por parte de uma mulher conduzida pela sua vontade férrea 
de liberdade. 
Quando surgiu pela primeira vez na Colômbia, em 2012, quase dez anos 
após a morte da autora, esta autobiografia epistolar foi imediatamente 
considerada como um clássico. Em 23 cartas dirigidas ao amigo Germán 
Arciniegas, Reyes conta a história da sua infância e juventude, sem artifícios 
nem sentimentalismos, mas com competência e encanto narrativo raros.

Publicado em mais de uma dezena de países, o livro conta com introdução 
de Leila Guerriero e dois textos finais, um por Gérman Arciniegas e outro 
por Diego Garzón.
Emma Reyes (1919-2003) nasceu na mais absoluta pobreza, em Bogotá. 
Criança ilegítima e abandonada, foi uma adolescente analfabeta até aos 18 
anos. Tornou-se depois pintora, trabalhando e convivendo com artistas e 
intelectuais do seu tempo. Embora não se tenha tornado famosa, era 
recordada, à data da sua morte, como “mama grande” por artistas e
escritores latino americanos em França e como uma maravilhosa contadora de histórias. Emma dizia do seu trabalho artístico:
«É verdade que a minha pintura são gritos sem correntes de ar» e os artistas que a rodeavam reconheciam as qualidades 
narrativas da sua obra: «O Luis Caballero diz que eu não pinto os meus quadros, mas que os escrevo».

A regularidade da correspondência que enviava a Arciniegas sofreu uma interrupção, no momento em que o historiador, 
entusiasmado com a qualidade literária da escrita de Reyes, decidiu partilhar as cartas com outro famoso colombiano: Gabriel 
García Márquez. Semanas mais tarde, Gabo ligou a Emma para lhe dizer o quanto as tinha apreciado, e esta respondeu com 
fúria. Durante muito tempo a pintora não voltou a escrever a Arciniegas.
Esta é uma correspondência capaz de transcender o tempo em que foi escrita, fixando os contornos de uma vida excepcional.

O Livro de Emma Reyes - Memória por Correspondência, de Emma Reyes
Quetzal - 17,70€

«Depois de tanta dor, o leitor sai reconciliado com a Humanidade, porque, acompanhando a autora, vê o renascer da esperança dessa adolescente fugitiva que, no fim, vai poder voltar a começar.»
La Vanguardia

«Ainda que sem intuito estético, cada página exala uma fria e escabrosa beleza. (…) A criação artística é outro ato de amor e talvez a conquista mais alta da nossa espécie.»
El Cultural

«À medida que lemos, nós leitores também crescemos – a golpes.»
Babelia, El País

«Uma incrível biografia a todos os níveis, mas o mais admirável é a clareza do olhar, a lembrança sem qualquer tipo de sentimentalismo de uma infância difícil.»
Paris Review

Sobre a Autora Emma Reyes:
Emma Reyes foi uma pintora colombiana. Nasceu em 1919 em Bogotá, onde viveu uma infância miserável num bairro de lata. Mais tarde, foi acolhida num convento, onde passou 15 anos de clausura e trabalhos pesados. Quando conseguiu fugir, viajou por toda a América Latina, rumando a seguir à Europa. Formou-se em Paris, trabalhou no estúdio de Diego Rivera no México, mas também viveu e trabalhou em Capri, Veneza, Florença e Roma. Instalou-se definitivamente em França em 1960, casando-se em segundas núpcias com Jean Perromat, um médico francês. Faleceu em Bordéus, em 2003.

O Código da Mudança

A mudança, seja em que área da vida for, é algo que muitas pessoas desejam mas que poucas
conseguem alcançar. O escritor e palestrante Othon Gama esclarece, através do seu novo livro «O Código da Mudança», como é possível implementar este processo de transformação nas nossas vidas, tal como ele implementou, com sucesso, na sua própria vida.
Expondo um método tridimensional, focado nas dimensões da sabedoria, que descreve a ciência envolvida, a emocional, que mostra como cada pessoa é a grande solução para os seus próprios problemas, e a executiva, que explica como mudar, o autor revela como modificar pensamentos, atitudes, hábitos e comportamentos.

«O Código da Mudança» mostra, passo-a-passo, como sair da zona de conforto e conquistar sonhos, antevendo um período que nem sempre é fácil ou rápido, mas que é possível, cultivando
competências como a humildade, a capacidade de alterar a rotina, a autoconfiança, a autodisciplina e a resiliência.
O revolucionário método é baseado numa extensa investigação na área da motivação e da performance, com o qual Othan desafia o leitor a definir e a conquistar objectivos que à partida parecem inatingíveis. Tal como desvenda neste guia, a chave para o sucesso são a determinação e a coragem de cada um.

Othon Gama atravessou um processo de grande perda de peso num período de 18 meses, o que o levou a transformar esta resolução numa missão, um importante compromisso para ajudar pessoas em todo o mundo a ter uma vida saudável e bem-sucedida. Após o sucesso no Brasil, «O Código da Mudança» chega às livrarias portuguesas pela mão da Pergaminho.


O Código da Mudança, de Othon Gama
Pergaminho - 13,30€

Este livro é para quem está cansado de belas ideias – e quer antes uma bela vida!
O compromisso com projectos e resoluções é fundamental para ter uma vida melhor – mas quantas vezes não nos ficamos pelas intenções? «O Código da Mudança» ensina-lhe os segredos de passar das ideias à prática. Se quer realmente mudar a sua vida para melhor, em todos os aspectos, a chave está em mudar de hábitos. «O Código da Mudança», revela o método 3D de mudança de hábitos e desenvolvimento de excelência. Este revolucionário método de definição e conquista de objectivos tem por base uma extensa investigação sobre as mais recentes descobertas científicas na área da motivação e da performance. Uma leitura indispensável para quem deseja realmente atingir o sucesso em todas as áreas da vida.

Escritor, palestrante, empresário e advogado. É Fundador da Escola da Cidadania que actua no sector educacional ensinando a Constituição Federal, Direitos Humanos e Ciência Política a crianças e jovens e da Life Academy Brasil que actua na promoção do emagrecimento e da qualidade de vida através de cursos, treinamentos e coaching. Foi gestor de duas entidades sociais e ministra palestras e workshops no Brasil e exterior.

O Indesejado

Esfera dos Livros - 17,90€

Em finais do século XVII, um sacerdote português a viver em Roma recebe uma carta a pedir o seu regresso urgente, mas discreto, a Portugal. À chegada a Lisboa, o padre Bartolomeu é confrontado com uma informação espantosa – a de que D. Afonso VI, o rei destituído que morrera após um longo e penoso cativeiro, afinal, talvez tenha deixado descendência. A hipótese ameaça seriamente a estabilidade do reino. Se a alegada impotência de Afonso VI fora determinante na anulação do seu casamento com Maria Francisca de Sabóia, agora mulher do atual rei, a possibilidade de existir um descendente coloca em causa não só o processo de destituição de Afonso como também a legitimidade do poder de D. Pedro II. Urge por isso apurar a verdade. E agir. Figura controversa, Afonso não nascera para governar. Mas a morte de Teodósio, o filho varão de D. João IV, levá-lo-ia a iniciar um reinado que teria como coroa de glória as vitórias na guerra da Independência, mas terminaria na mais profunda vergonha, com uma conjura liderada pelo próprio irmão, D. Pedro, a pretexto da vida boémia de Afonso e do seu desinteresse pelos desígnios do País. Apesar do cognome, O Vitorioso ficaria com a sua reputação denegrida para sempre. Entre investigações, pistas ténues e viagens inesperadas, o padre Bartolomeu, que em tempos acompanhara o monarca deposto no seu cativeiro, mergulha numa espiral de segredos impenetráveis em busca de uma resposta difícil de encontrar – mas não duvidando nunca de que, para o regime D. Pedro, e tal como Afonso VI, o eventual e misterioso descendente seria um indesejado…

Sobre o Autor Nuno Galopim:
Nuno Galopim começou por traçar um futuro nas ciências, mas o jornalismo, a rádio e, sobretudo, a música e o cinema acabaram por falar mais alto. Com 27 anos de carreira nos media escreve hoje no Expresso, Blitz, Time Out e Metropolis e é autor dos blogues Sound + Vision e Máquina de Escrever. Tem trabalhado na música (do álbum Humanos à série O Melhor do Pop-Rock Português) e no cinema (como actor, produtor, consultor e programador, estando a preparar a sua primeira obra na realização). Nos livros estreou-se, era ainda aluno de Geologia, com «Vida e Morte dos Dinossáurios» (1992), em co-autoria com pai, o Professor Galopim de Carvalho. É o autor dos livros «Retrovisor: Uma Biografia Musical de Sérgio Godinho» (2005), «Os Marcianos Somos Nós» (2015) e «The Gift – 20» (2015) e colaborou na «Enciclopédia da Música Ligeira Portuguesa». «Os Últimos Dias do Rei» é a sua primeira obra de ficção.

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Origem

É hoje, é hoje, é hoje!
Já dissemos que é HOJE que chega às livrarias o novo livro do incomparável Dan Brown?

À semelhança dos livros anteriores, também em «Origem» Dan Brown coloca uma grande questão: será que a ciência tornará a religião obsoleta? Assentando na premissa "De Onde Vimos? Para Onde Vamos?" este novo livro acompanha novamente o simbologista Robert Langdon em proezas entre enigmas estrondosos, inventivos e de uma enorme actualidade, desta vez no país de nuestros hermanos.

E mais boas notícias para os fãs do autor de «Código Da Vinci»:
Dan Brown estará em Lisboa para o lançamento deste seu novo livro num evento aberto ao público e de entrada gratuita. Marquem nas vossas agendas: dia 15 de outubro, domingo, pelas 17h00 no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

Bertrand Editora - 22,90€

Bilbau, Espanha.
Robert Langdon, professor de simbologia e iconologia religiosa da universidade de Harvard, chega ao ultramoderno Museu Guggenheim de Bilbau para assistir a um grandioso anúncio: a revelação da descoberta que «mudará para sempre o rosto da ciência.» O anfitrião dessa noite é Edmond Kirsch, bilionário e futurista de quarenta e dois anos cujas espantosas invenções de alta tecnologia e audazes previsões fizeram dele uma figura de renome a nível
global. Kirsch, um dos primeiros alunos de Langdon em Harvard, duas décadas atrás, está prestes a revelar um incrível avanço científico… que irá responder a duas das perguntas mais fundamentais da existência humana.
No início da noite, Langdon e várias centenas de outros convidados ficam fascinados com a apresentação tão original de Kirsch, e Langdon percebe que o anúncio do amigo será muito mais controverso do que ele imaginava.
Mas aquela noite tão meticulosamente orquestrada não tardará a transformar-se num caos e a preciosa descoberta do futurista pode muito bem estar em vias de se perder para sempre.
Em pleno turbilhão de emoções e em perigo iminente, Langdon tenta desesperadamente fugir de Bilbau. Tem ao seu lado Ambra Vidal, a elegante directora do Guggenheim que trabalhou com Kirsch na organização daquele provocador evento.
Juntos, fogem para Barcelona, com a perigosa missão de localizarem a palavra-passe que os ajudará a desvendar o segredo de Kirsch.
Percorrendo os escuros corredores de história oculta e religião extremista, Langdon e Vidal têm de fugir de um inimigo atormentado que parece tudo saber e que parece até de alguma forma relacionado com o Palácio Real de Espanha… e que fará qualquer coisa para silenciar para sempre Edmond Kirsch.
Numa viagem marcada pela arte moderna e por símbolos enigmáticos, Langdon e Vidal vão descobrindo as pistas que acabarão por conduzi-los à chocante descoberta de Kirsch… e a uma verdade que até então nos tem escapado e que nos deixará sem fôlego.

Sobre o Autor Dan Brown:
O escritor norte-americano Dan Brown nasceu em 1965 em New Hampshire, nos Estados Unidos da América, sendo filho de um professor de Matemática e de uma intérprete de música sacra. Brown estudou no liceu local e mais tarde licenciou-se na Universidade de Amherst.
Mudou-se para Los Angeles onde tentou fazer carreira como compositor, pianista e cantor. No entanto, este plano de vida fracassou e Dan Brown acabou por ir estudar história da arte em Sevilha, Espanha.
Entretanto, a meias com a mulher, escreveu o livro «187 Men to Avoid: A Guide for the Romantically Frustrated Woman». 
Em 1993 regressou a New Hampshire para se tornar professor de inglês na escola onde tinha estudado. Passados dois anos, os serviços secretos norte-americanos foram à sua escola buscar um aluno que consideravam uma ameaça nacional por ter escrito, na Internet, que era capaz de matar o presidente Bil Clinton. Dan Brown ficou tão interessado no assunto que começou a fazer pesquisas sobre a Agência Nacional de Segurança. Acabou por resultar desse interesse a escrita do seu primeiro romance «Fortaleza Digital», que foi lançado em 1996 com algum sucesso. Era um romance baseado na violação de privacidade e em conspirações, tendo por sustentação as novas tecnologias. 
Quatro anos depois do seu romance de estreia, lançou «Anjos e Demónios», seguindo-se em 2001 «Deception Point». Finalmente, em Março de 2003, Dan Brown lançou no mercado norte-americano «O Código Da Vinci», que logo no primeiro dia vendeu mais de seis mil exemplares, tendo-se tornado num dos livros mais vendidos de sempre em todo o mundo, com publicações em 42 línguas.
«O Código Da Vinci» é um romance policial que tem como protagonista um simbologista norte-americano. Através da obra de Leonardo Da Vinci, onde encontra várias mensagens codificadas, tenta arranjar provas para desvendar um segredo com centenas de anos. No livro surgem instituições como a Opus Dei e o Priorado do Sião.

A obra chegou a Portugal em 2004 e ao fim de poucos meses atingiu as onze edições. O sucesso deste livro levou a que fosse logo anunciada uma adaptação cinematográfica (com Tom Hanks como protagonista) e uma sequela literária.

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Star Wars – Figuras Crochet

E agora o lançamento mais adorável dos próximos tempos: uma EDIÇÃO LIMITADA e EXCLUSIVA de um livro com as instruções para criar em crochet as mais amadas personagens Star Wars™! Eu preciso disto na minha vida, palavra de honra. E nem sequer sei fazer crochet!

Planeta - 24,95€

E em que é que esta edição especial, consiste afinal? O que é que a caixa tem lá dentro?
  • Um manual de 76 páginas, com mais de 100 fotografias a cores e uma secção de como fazer os pontos e as técnicas do crochet, com instruções passo-a-passo para criar uma BB-8 e um JAWA.
  • Uma agulha de crochet.
  • Uma agulha de tapeçaria.
  • Seis novelos de lã.
  • Dois pares de olhos de plástico.
  • Enchimento. 
A autora, Lucy Collin, combinou a paixão pela concepção de criaturas e personagens com o amor pela ficção científica e pela fantasia. Criou padrões para o livro Hollywood Crochet e é a autora de Star Wars Crochet



A de 20 de Setembro numa livraria muito, muito próxima de ti!

Star Wars – Darth Vader Abatido

O terceiro volume da saga Star Wars™ em BD - protagonizada pelo Lorde Negro dos Sith - como só a MARVEL podia fazer. 

Star Wars – Darth Vader Abatido
Kieron & Gillen (texto)
Deodato & Larroca (ilustrações)
Planeta - 16,95€

O primeiro crossover argumental entre as duas séries principais de Star Wars/Marvel: Darth Vader e Star WarsEste livro em capa dura, recompila os seguintes fascículos feitos por grandes talentos da BD dos nossos tempos:
  • Vader Abatido 1
  •  Star Wars BD 13 e 14
  • Darth Vader BD 13,14 e 15.
Desde a primeira aparição de Vader no ecrã, que este se converteu num dos vilões mais célebres (e sombrios!) da cultura popular. Agora podes seguir Vader após o fim de Uma Nova Esperança (e das páginas da série Star Wars™) nas suas aventuras solitárias, mostrando a guerra do Império contra a Aliança Rebelde na sua perspectiva!

Quando um Darth Vader só se vê perante uma frota rebelde, acaba isolado num planeta. Poderão os rebeldes aproveitar a oportunidade e acabar com um dos seus piores inimigos ou sentirão todo o poder do lado negro? O lorde Sith pode ter sido abatido, mas não foi vencido!

Todas as tuas personagens preferidas estão aqui: Luke, Vader, Leia, Han, C-3PO, R2-D2, Triplo- Zero e BT-1. também uma batalha entre Wookies e Chewbacca contra Krrsantan.